Featured Video

04 agosto 2009

Manifestantes invadem plenário do Senado contra Sarney e são retirados à força


FONTE: Folha online

Um grupo de manifestantes da Conlutas (Coordenação Nacional de Lutas) invadiu nesta terça-feira o plenário do Senado com uma faixa com os dizeres "Fora Sarney" na defesa pela saída do presidente da Casa, José Sarney (PMDB-AP), do comando do Senado.

Os protestantes também usavam máscaras cirúrgicas com os mesmos dizeres. Como o regimento do Senado não permite manifestações dentro do plenário, os trabalhadores foram retirados à força pela Polícia Legislativa.

A faixa foi arrancada das mãos dos manifestantes, que foram conduzidos pela polícia para fora do local. Alguns ainda tentaram entrar em confronto com os policiais, mas foram contidos.

Sarney não estava na presidência da Casa no momento do tumulto. O senador Adelmir Santana (DEM-DF), que presidia a sessão, pediu para que a polícia tomasse as providências para coibir a manifestação. Alguns senadores intercederam em favor dos manifestantes, como Arthur Virgílio (PSDB-AM).

"O regimento não prevê manifestações, mas também não prevê violência", disse. Os manifestantes deixaram o plenário aos gritos: "Ão, ão, ão, abaixo à repressão. Fora Sarney".

Um dos sindicalistas, Geraldo Jesus Santos, criticou o que chamou de truculência da Polícia Legislativa. "Protestamos em silêncio e fomos reprimidos pela polícia."

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More