Featured Video

06 setembro 2007

A EPIDÊMICA MALA FARISAICA

Por Riva Moutinho

malafaia.mp3

Antes de ler o texto abaixo clique em "stop" na Rádio Ação Reação, clique acima para ouvir a mensagem.



Em meio a escassez da Graça na religião e a superabundância de palavras oportunistas, muitos voam como folhas ao vento, viajando nas insanidades de líderes religiosos que colocaram o Evangelho a serviço de seus desejos criando um evangelho-fajuto do qual Deus não faz parte.

Malafaia é um fruto delirante da onda Macedônica Universal que assolou e assola o país. A energia gasta em sua pregações leva ao delírio a platéia, no mesmo instante que insere uma mentira lapidando-a com a maquiagem da verdade. No entanto, diante da Verdade toda mentira é desmascarada, toda pseudo-ovelha mostra sua pele de lobo, todo falso pastor mostra sua face gêmea do diabo.

No que diz respeito a dinheiro e a riquezas, Jesus foi muito claro em sua Palavra: Não andeis ansiosos com o que haveis de comer, beber e vestir (Mt. 6:25-34); para o jovem rico ele disse para vender tudo o que tivesse (Lc. 18:18-25); entre os doze discípulos ninguém amou mais o dinheiro do que Judas e sabemos bem o que isso se transformou para ele (Mt. 26:15); no que diz respeito a oferta, a recomendação é para que se dê com alegria e não por obrigação e com o valor que for da sua vontade (II Co. 9:7); como recomendação disse para nós juntarmos tesouros nos céus onde a traça não consome e o ladrão não rouba (Mt. 6:19-21).

Observe o que diz Timóteo 6:9 e 10 “Mas os que querem ser ricos caem em tentação, e em laço, e em muitas concupiscências loucas e nocivas, que submergem os homens na perdição e ruína. Porque o amor ao dinheiro é a raiz de toda a espécie de males; e nessa cobiça alguns se desviaram da fé, e se traspassaram a si mesmos com muitas dores.”

Por isso aquele que busca o conhecimento da Palavra de Cristo lendo-a e estudando-a sabe discernir o Espírito Santo do espírito-dos-fariseus, ao qual Jesus disse que eram hipócritas, raça de víboras, sepulcros caiados, que permaneciam na porta do Reino não entrando e não deixando ninguém entrar.

Hoje pastores são milionários, a igreja católica é bilionária, mesmo assim continuam pregando o evangelho que o enriqueceram e que adoecem pessoas ao longo dos anos.

Deus não age em reação a uma ação sua de bondade, caridade ou de depósito realizado nos cofres de igrejas. Ele age quando quer, alheio a qualquer obra que a sua mão possa realizar.

Somos miseráveis demais para conseguirmos fazer algo que gere em Deus uma retribuição equivalente. Só recebemos algo porque existe a Graça, ao qual a Bíblia diz que é FAVOR IMERECIDO, do Pai para cada um de nós.

O engano nos templos religiosos continuará proliferando e utilizando todos os meios de comunicação como rádios, TV´s e internet. A doença permanecerá epidêmica e a Mala permanecerá sem alça, sem alma e sem Palavra de Deus dentro de si.

Importa é que você se alicerce na Palavra que é mais penetrante que uma espada de dois gumes e que é apta para discernir os pensamentos e intenções do coração (Hb. 4:12), e caminhe sob a direção Daquele que no dia Dele dirá: “Nunca vos conheci; apartai-vos de mim, vós que praticais a iniqüidade.” (Mt. 7:21-23).

BH 06/09/2007

Caio Fábio responde um email, sobre este assunto, de alguém de Vila Velha - ES
Leia aqui

0 comentários:

Postar um comentário

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More